Dia de Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil - Aparecida do Norte (SP)

 

Nossa Senhora da Conceição Aparecida, popularmente chamada de Nossa Senhora Aparecida, é a padroeira do Brasil. Venerada na Igreja Católica, Nossa Senhora Aparecida é representada por uma pequena imagem de terracota da Virgem Maria atualmente alojada na Basílica de Nossa Senhora Aparecida, localizada na cidade de Aparecida, em São Paulo.

 

Sua festa litúrgica é celebrada em 12 de outubro, um feriado nacional no Brasil desde 1980, quando o Papa João Paulo II consagrou a Basílica, que é o quarto santuário mariano mais visitado do mundo, capaz de abrigar até 45.000 fiéis.

 

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

A imagem da santa é um souvenir comum em Aparecida do Norte, no interior de São Paulo, para onde milhares de fieis vão em romaria todos os anos no mês de outubro.

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Detalhe do sino da Basílica de Aparecida do Norte, no interior de São Paulo

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Menina observa concentrada sua vela queimando durante a procissão em homenagem à padroeira do Brasil, em Aparecida do Norte, interior de São Paulo

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Imagem de Nossa Senhora Aparecida sobre um andor cheio de rosas brancas durante a procissão em sua homenagem, em Aparecida do Norte, interior de São Paulo. Fotografia emoldurada para ser usada como quadro para decoração de ambientes disponível na nossa loja virtual (acesso pelo link no menu acima).

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

A linda basílica de Aparecida do Norte, no interior de São Paulo, iluminada pela luz do por do sol. Fotografia emoldurada para ser usada como quadro para decoração de ambientes disponível na nossa loja virtual (acesso pelo link no menu acima).

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

A sala das velas em Aparecida do Norte, onde os fieis fazem seus pedidos e agradecem às graças alcançadas.

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

A luz entre de forma mágica pela janela da sala das velas na basílica de Aparecida do Norte, no interior de São Paulo. Fotografia emoldurada para ser usada como quadro para decoração de ambientes disponível na nossa loja virtual (acesso pelo link no menu acima).

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Velas em formatos exóticos são vendidas em Aparecida do Norte. Os fieis acreditam que acender uma vela com o formato do membro para o qual se deseja um milagre ajuda na obtenção dos resultados desejados.

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

3 freiras assistem à procissão em homenagem a Nossa Senhor, do alto da passarela em Aparecida do Norte, interior de São Paulo

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

3 padres rezam no interior da basílica de Aparecida do Norte, no dia da festa da Padroeira.

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Grupo de moçambique se apresenta antes do início da procissão em homenagem à padroeira do Brasil, em Aparecida do Norte.

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Cada vela acessa na sala das velas na Basílica de Aparecida do Norte representa a luz de um fiél. A sala fica clara no dia da festa da Padroeira, com tantas velas acesas em agradecimento à santa. Fotografia emoldurada para ser usada como quadro para decoração de ambientes disponível na nossa loja virtual (acesso pelo link no menu acima).

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Padroeira Nossa Senhora Aparecida

Jesus também está presente na sala das velas na Basílica de Aparecida do Norte no interior de São Paulo. No dia da Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, ele também é lembrado e cultuado.

A imagem foi retirada das águas do rio Paraíba em 1717. Ela mede quarenta centímetros de altura e é de terracota. A argila utilizada para a confecção da imagem é oriunda da região de Santana de Parnaíba, na Grande São Paulo. Quando recolhida pelos pescadores, estava sem a policromia original, devido ao longo período em que esteve submersa nas águas do rio. A cor de canela que apresenta hoje deve-se à exposição secular à fuligem produzida pelas chamas das velas, lamparinas e candeeiros, acesas por seus devotos.

 

Através de estudos comparativos, a autoria da imagem foi atribuída ao frei Agostinho de Jesus, um monge de São Paulo conhecido por sua habilidade artística na confecção de imagens sacras. Tais características incluem a forma sorridente dos lábios, queixo encravado, flores em relevo no cabelo, broche de três pérolas na testa e porte empinado para trás. O motivo pelo qual a imagem se encontrava no fundo do rio Paraíba é que, durante o período colonial, as imagens sacras de terracota eram jogadas em rios ou enterradas quando quebradas.

 

Em 1978, após sofrer um atentado que a reduziu a quase duzentos fragmentos, a imagem foi encaminhada a Pietro Maria Bardi, à época diretor do Museu de Arte de São Paulo (MASP), que a examinou, juntamente com João Marinho, colecionador de imagens sacras brasileiras. Foi então totalmente restaurada, no MASP, pelas mãos da artista plástica Maria Helena Chartuni.

 

Os romeiros que participam da Festa de Nossa Senhora Aparecida vêm de vários municípios do Brasil, muitos deles à pé. Os sacrifícios realizados podem ser pagamentos de promessas ou simplemente atos de devoção.

 

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon

Andrea Goldschmidt Fotografia

Todos os direitos reservados

Tel: +55 (011) 9-8371-5983

São Paulo - Brasil