Islândia - dia 8 - 27 / junho / 2018

Hoje era o dia do último jogo da Islândia na Copa do mundo. O jogo começava às 15h, tempo mais do que suficiente pra fazer uns passeios de manhã e e voltar a tempo de participar do evento.

Decidimos visitar um parque nacional com umas formações diferentes que ficam entre Húsavic e a Dettifoss - uma região conhecida como Golden Circle.

No caminho chegamos ao que foi o ponto mais ao norte onde estivemos na Islândia... e na vida, claro!

66 graus 20' 161''

Paramos pra ver uma praia no caminho e a Fer ajudou a pentear um cavalho velho e super descabelado. Foi o único cavalo islandês do qual nos aproximamos... queria ter visto outros... estava na minha lista fazer uma cavalgada, mas acabou não rolando.

A praia era gelada, como todas as outras, mas foi legal ter parado pra registrar a estada nesse ponto: 66o 20.161  -  Quase no círculo polar Ártico! UAU!

Vestudalur Canyon

Formações incríveis de rochas vulcânicas

Asbyrgi Canyon

 

Esse cânion gigantesco e estranho fica próximo a uma das entradas do Jökulsárgljúfur National Park. Ele tem aproximadamente 3,5km de comprimento e 1,1km de largura, com montanhas em formato de uma ferradura com formações rochosas de cerca de 25 metros  de altura, conhecidos como Eyjan, the “Island”.

Andamos um pouquinho pelo cânion e resolvemos subir a montanha pra ver a vista lá de cima! Achamos uma escadinha super íngreme, quase uma escalada pra chegar ao topo. S[o que descer por ali não rolava de jeito nenhum! Resolvemos caminhar até o final do cânion pra descer... foi uma bela volta pra quem já tava cansado das caminhadas no Vesturdalur hoje de manhã, mas foi legal conhecer esse lugar com uma paisagem tão exótica!